segunda-feira, junho 26, 2006

Crónicas de Barcelona II


O Katraponga tem razão. Foi difícil deixar Barcelona. Ainda que eu seja um absoluto leigo na matéria, a cidade parece-me uma obra-prima de arquitectura. Estive no Parc Guell e fiquei fascinado com os edifícios, as esculturas e as vistas da cidade, que podem ser apreciados nas fotos aqui incluídas.

Quanto à cidade propriamente dita, os cheiros, os sons e as imagens são marcantes e inebriantes. Para além de ser lindíssima, Barcelona é provavelmente a cidade mais cosmopolita da Península Ibérica. Em contraste, Lisboa é pequena e Madrid provinciana. Tendo já visitado várias cidades espanholas, foi também em Barcelona que comi melhor. O nosso roteiro gastronómico incluiu dois excelentes restaurantes com comida tradicional Catalã e, claro, uma incursão na paelha à Valenciana que, não sendo Catalã, é deliciosa!

Etiquetas:

5 Comments:

Anonymous moika said...

Que saudades do Parc Guell...

2:21 da tarde  
Blogger katraponga said...

:)

7:39 da tarde  
Blogger AEnima said...

Não há dúvida que o Parque Guel é inesquecível... mas também linda para mim é a Casa Batlló, ver o anel olímpico do alto de Montjuic, beber uns canecos no oveja negra, passear nas Ramblas e namorar as lojinhas maradas do Bairro Gótico. A 1ª vez que lá estive aproveitei para ir ao Festival Sonar. É de longe o melhor festival de música e multimédia... especialmente a parte que decorre durante o dia no Museu de arte contemporânea. Este ano começou a 15 de Junho, foste lá? Totalmente avant-guard... para profissionais da música eletrónica e fãs acérrimos, estamos a ver bandas novidade com os nossos "ídolos" de outras bandas ao nosso lado, que metem conversa e discutem sons connosco, etc... Outra onda... outra muito longe daqui. Mais um ano que tive falta marcada...

3:00 da manhã  
Anonymous Pecola said...

Ai..

12:26 da manhã  
Blogger drinkthestars said...

que saudades de barcelona...

5:57 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home