sábado, setembro 29, 2007

Os meus favoritos do Thyssen-Bornemisza

The Madonna of the Village (1936-1942) - Marc Chagall

Este encheu-me as medidas. Na minha subjectiva e modesta opinião é o quadro mais marcante da exibição permanente. O surrealismo na sua vertente mais meiga e onírica: um anjo a tocar trombeta, uma vaca a tocar violino nos céus e uma virgem a pairar sobre a aldeia... Absolutamente maravilhoso.

Etiquetas:

1 Comments:

Blogger ∫nês said...

Muito difícil bater um Chagall!
Lindo.

4:47 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home