sábado, julho 07, 2007

20. OK Computer (1997) - Radiohead


A listagem dos 20 melhores discos da minha vida chega hoje ao fim. Ao longo de 20 entradas, apresentei, critiquei e, na maioria das vezes, elogiei obras discográficas de grande valor pessoal e sentimental. Muitas vezes, estes trabalhos marcaram a minha existência em virtude de um "alinhamento perfeito das estrelas". Alguns eram muito conhecidos e idolatrados, outros obras que pouco venderam e passaram despercebidas à generalidade do público consumidor de música.

Nada como um dos melhores discos dos anos 90 para fechar com chave de ouro. Para verem a dimensão da qualidade da obra, os críticos habitualmente forretas da Pitchfork perderam a cabeça e atribuiram a nota perfeita (10.0) ao álbum.

Confesso que o meu amor pelos Radiohead era muito limitado até ao momento em que lançaram OK Computer. Tinham uma cançãozinha de 4 acordes - Creep - que se recusavam a tocar em concerto por que, afirmavam, era a única que o público queria ouvir... manias!

As referências ao stress quotidiano, à alienação dos yuppies na vida empresarial, o trabalho obsessivo e destituído de sentido são os temas dominantes das letras escritas por Thom Yorke. A famosa dedicatória a Bill Gates do tema Paranoid Android parece confirmar a repulsa pela orientação materialista e consumista do mundo actual.
A obra é por muitos considerada como o primeiro disco anti-globalização, se é que tal faz algum sentido... Paranoid Android é uma das selecções do You Tube para este post. De notar as tiradas geniais como: "Ambition makes you look pretty ugly / Kicking and squealing gucci little piggy"

Ou:

"That's it, sir
You're leaving
The crackle of pigskin
The dust and the screaming
The yuppies networking
The panic, the vomit
The panic, the vomit
God loves his children,
God loves his children, yeah!"

O disco é extremamente "cinematográfico". Canções como Subterranean Homesick Alien ou Lucky demonstram este lado de OK Computer e indicam uma versatilidade até então desconhecida na banda. O melhor exemplo desta vertente "banda sonora" é Exit Music (for a film):

Num disco tão perfeito, é difícil identificar as melhores faixas. Musicalmente, as minhas preferências vão para Exit Music, Lucky, No Surprises e Let Down. Paranoid Android é um invulgar caso de brilhantismo poético e musical e, para mim, a melhor música dos anos 90. Curiosamente, tem também uma duração invulgar para um tema single, com mais de 6 minutos e meio, e uma complexidade de estrutura e composição rara para uma banda rock. A intensidade das faixas de OK Computer é ainda mais vincada ao vivo, como o demonstra o vídeo de Airbag, retirado de uma actuação no programa de Jools Holland. Sublinhe-se a fantástica tirada irónica "In a fast german car / I'm amazed that I survived / An airbag saved my life"

Etiquetas: ,

2 Comments:

Blogger amazing said...

Achei piada ao facto de referires que eles não queriam tocar a Creep. É que eu DETESTO essa música.
E, tal como tu, nunca dei nada pelos Radiohead até esta obra-prima.
Foi este álbum que marcou uma viragem no meio musical, quanto a mim.
É claro que o The Bends também é um bom álbum com boas canções, mas este é um hino à música.
Para verdadeiros amantes de som.
Por incrível que pareça, ansiei pelo álbum seguinte e apareceu o Kid A que me deixou perplexo, para não dizer outra coisa. Confesso que não esperava aquilo deles. A crítica elogiou, mas nunca percebi muito bem porquê. O certo é que se hoje ouvirmos esse álbum e o seguinte ainda hoje, parece que acabaram de sair.
Este é também um dos meus álbuns preferidos. Pricipalmente pelas músicas que não foram singles.
"Num disco tão perfeito, é difícil identificar as melhores faixas" - É bem verdade. Talvez as 3 últimas e a 3.ª e a 5.º e...

PS1 - Só faltou nesta lista o Ágaetis Byrjun ;)

PS2 - Música de fundo do melhor!

3:09 da tarde  
Blogger Poltergeist said...

blog extremamente interessante =)... e em destake (para mim, um dos maiores fans de radiohead do universo) este post.... da uma olhada ao meu blog =)

11:24 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home