domingo, novembro 20, 2005

Espírito do Paraíso

Image hosted by Photobucket.com

Em meados dos anos 90 redescobri os Talk Talk, uma banda que a maior parte das pessoas só conhece pelos êxitos pop do início dos anos 80, mas que, em 1988, lançaram para a obscuridade um disco fabuloso intitulado Spirit of Eden. O trabalho musical desenvolvido por essa banda de culto em Portugal chamada Tindersticks deve muito a este disco dos Talk Talk e é também aqui que podemos encontrar algumas raízes do pós-rock.

A obra é assumidamente estranha. É um disco sussurrado, gravado numa igreja em Suffolk ao longo de 14(!) meses, com um vasto conjunto de instrumentos para além daqueles usados tradicionalmente na música pop-rock, incluindo violino, clarinete e contrabaixo. A interpretação é tão suave e a instrumentação tão subtil que o nome do disco é apropriadíssimo. Os fãs de jazz imaginem o que seria In a Silent Way (1970) de Miles Davis feito após a new wave… Mark Hollis, o líder dos Talk Talk, queria ser reconhecido pelo seu mérito como compositor e não pelo sucesso nos tops. Como muitas vezes acontece, este trabalho notável foi condenado ao absoluto e deprimente insucesso comercial e colocou um ponto final na carreira da banda.

A carreira dos Talk Talk vista pelo Piano:

The Party’s Over (1982) 4/10
It’s My Life (1984) 6/10
The Colour of Spring (1986) 7/10
Spirit of Eden (1988) 9/10

Etiquetas:

6 Comments:

Blogger katraponga said...

Sempre achei curiosa a música dos Talk Talk...

8:06 da tarde  
Blogger folhasdemim said...

Passeando por aqui actualizando leituras. Beijokas :)

2:21 da tarde  
Blogger I said...

Olá Fernando, vim conhecer o teu blog e, como gosto muito de musica, em particular de piano e muito mais então se for tocado na floresta (situação a que nunca assisti, mas imagino)gostei do que li! Quanto aos Talk Talk...bem , recordo-me vagamente dessa banda mas nunca prestei atenção.

10:46 da tarde  
Blogger M.M. said...

Olá

Acreditas que és a primeira pessoa em Portugal que ouço falar bem dos Talk Talk?
Tenho esse álbum e é absolutamente fantástico. Já ouviste o álbum a solo do Mark Hollis? É muito bom.
Gostei do teu blog e vou pôr um link no meu, está bem?
Partilhamos alguns gostos musicais.

M.M.

9:49 da manhã  
Anonymous joao belo said...

Só para dizer que os Talk Talk são uma pérola e por isso devem ser bem guardados, os discos são realmente óptimos...

1:44 da manhã  
Anonymous Bruno Vaz said...

Não mencionaste o Laughing Stock, rapaz.

7:31 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home