quarta-feira, setembro 21, 2005

Starbucks

Sentado num confortável sofá no Starbucks da Friedrichstraße, questiono-me quanto custará o franchising da representacäo da marca para Portugal... É que ir ao Starbucks näao significa apenas tomar um café! Para além dos tamanhos (short, tall, and grande) e dos estilos (Expresso, Americano, Capuccino, Macchiato, Moka Latte - há também as fatias de bolo (originalíssimas), os donuts, os bagels, os brownies, os chocolate chip cookies entre muitas outras variedades de doces, capazes de levar os diabéticos à desgraca...

Mas é sobretudo no ambiente que os Starbucks derrotam esmagadoramente os cafés tradicionais portugueses. Nos Starbucks mais espacosos, há uma sala de leitura com sofás/maples individuais de grande conforto, revistas e jornais diários gratuitos de todos os tipos e música ambiente.

Acreditem no que digo: quem tiver dinheiro para investir neste franchising em Portugal pode fazer fortuna. Se abrir um para os meus lados, serei certamente cliente habitual!

Etiquetas:

1 Comments:

Anonymous AEnima said...

Olha que já pensei nisso! E tambem no dunkin´donuts e outras coisas do género (admite-se não haver um donuts de jeito em portugal??). E se fizessemos uma sociedade?? Obrigado pelo teu comentário no meu blog, foi muito querido da tua parte. Aqui já sou a escrava para todo o serviço, para todas as reuniões e comissões, e um tipo aqui que está à frente do gabinete de estudos do ministério de economia "adoptou-me" para ser a sua cobaia e fazer o trabalho dele, porque ele não pode vir cá muitas vezes... enfim... e eu sou a única na área económica dele, acabada de chegar... dá mesmo jeito explorar. Mas é um tipo muito inteligente e com trabalho interessante e pronto... no fundo também estamos nisto por gosto não é? Se fosse para ficarmmos ricos não podiamos escolher ser professores. Trabalho não me falta aqui, mas falta também terminar a tese e entregar a cópia final e ainda tenho muito que trabalhar lá! Por este andar desgraço-me. Beijinhos
PS - Sei que és super exigente com o português e ainda bem, mas dá-me um desconto se faltar um acento ou coisas desse estilo... foram 5 anos a escrever sem eles...

5:52 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home